Um ciclo transformador chamado Escola Toca do Futuro

 

Escola Toca do Futuro. Instituto Toca. Fazenda da Toca. Itirapina. SP. 06/10/2016

Segundo Leonardo Boff, “a natureza é fonte permanente de sabedoria e contemplação, uma grande escola”. Ela que nos guia na busca da compreensão e conexão com o todo que começa a partir da reconexão consigo mesmo. Ser alfabetizado ecologicamente é se desenvolver de acordo com os princípios ecológicos, ou seja, aprender a falar a linguagem da natureza e integrar práticas que favoreçam as inteligências: emocional, social e ecológica, em suas múltiplas dimensões.

Satish Kumar, fundador da Schumacher College disse em um TED que participou: “Somos todos relacionados, somos todos conectados”. Não estamos sozinhos. Nascemos, crescemos, vivemos e morremos em um ambiente compartilhado com outras pessoas, seres e outras formas de vida. Estamos conectados com a natureza, com o clima, com os astros, com as pessoas e com os seres vivos.

Na Escola do Futuro da Fazenda da Toca, as crianças exploram e entendem por meio de experiências diretas com o mundo natural e com um espaço projetado para a construção de Comunidades Humanas Sustentáveis. Aqui não existe diferença entre aprender e viver. Nossa abordagem tem como propósito regenerar nossa relação com o planeta, trazendo a compreensão de que ‘não somos o ser inteligente, mas fazemos parte de um sistema inteligente’, ou seja, temos a compreensão sistêmica da vida. Nesse paradigma, saímos de um ponto de vista mecanicista e centrado no cognitivo, para uma visão que valoriza o despertar dos talentos de cada indivíduo, que valoriza fazedores amantes de suas ações.

No contexto da infância, onde buscamos valorizar sua cultura, honramos a diversidade e a aprendizagem horizontal por meio de uma escola multiseriada, com uma equipe de professores mutitalentosa. É nesse cenário que podemos observar o exercício do brincar e a participação das crianças em atividades que permitem o desenvolvimento de seus corpos físico, mental, emocional e espiritual.

Com base nisso, que ao longo dos últimos 5 anos, organizamos a filosofia da escola em três grandes eixos articulados:

A NATUREZA COMO MESTRA

Pulsão canteiros agroflorestais. Escola Toca do Futuro. Instituto Toca. Fazenda da Toca. Itirapina. SP. 07/10/2016

Entendemos que todo desenvolvimento natural envolve algum processo de aprendizagem. E essa abordagem ecológica permite que essas crianças e os adultos responsáveis por elas possam descobrir, por meio de vivências e interações cotidianas, os padrões da natureza. Desta forma, conseguimos transformar, de forma gradual e natural, a maneira como nós enxergamos o mundo.

Compostar um alimento, observar a vida diária das abelhas e preparar um xarope a partir de seu própolis, são meios que nos permitem recordar o quão fazedores podemos ser. E, dessa forma, é possível valorizar essa potência que já é nata das crianças, que o tempo todo transformam elementos e materiais base em coisas extraordinárias. Descobrem também que o ato do plantar, e do acompanhar o processo de desenvolvimento e transformação de uma semente, faz parte de um ciclo natural. E é assim, que cada participante dessa nossa comunidade escolar vive diariamente: com a percepção de que tudo está conectado. A consequência disso é que o indivíduo passa a valorizar mais suas relações tanto com as pessoas como com os seres em todas as suas formas, e a vida como um todo.

O SER INTEGRAL

Escola Toca do Futuro. Instituto Toca. Fazenda da Toca. Itirapina. SP. 06/10/2016

Enxergamos o Ser Humano como um todo, em suas múltiplas dimensões: física, mental, emocional e espiritual. Compreendemos que nutrir esses 4 corpos significa despertar um indivíduo dotado de saúde física, de percepção espiritual, com equilíbrio emocional e clareza mental. O desenvolvimento do Ser na sua integralidade, forma humanos mais empáticos uns com os outros, que respeitam todas as formas de vida e que, acima de tudo, resolvem problemas de forma participativa. É assim que, resumidamente, podemos explicar sobre o desenvolvimento das inteligências emocional, social e ecológica.

CULTURA DA INFÂNCIA

Acreditar e valorizar a Cultura da Infância significa dizer que em nossa proposta pedagógica temos como ponto de partida a percepção da própria criança. Significa proporcionar um ambiente que considera a espontaneidade e a naturalidade de como a consciência infantil se constrói e faz emergir valores saudáveis e profundos. Desta forma, partimos do princípio de que o brincar é a linguagem desse momento da vida e que compreender a criança enquanto sujeito é, também, favorecer sua autonomia.

Em se tratando de um modo de ser universal da infância, esta cultura se expressa na criança em sua singularidade, cabendo à escola o papel de “fazer acontecer” o espaço propiciador de oportunidades efetivas para que as crianças cumpram a sua Infância com dignidade. Por isso damos tanta importância para a presença da natureza como o chão sobre o qual cada criança poderá experimentar e explorar livremente seu corpo, descobrindo as diversas possibilidades do movimento espontâneo, assim como, compartilhar do rico repertório presente nas brincadeiras tradicionais da Infância onde a música, a dança, a linguagem oral e gestual pontuam aprendizagens significativas que fazem parte do acervo cultural da Infância.

A Natureza como Mestra, o Ser Integral e a Cultura da Infância são os três grandes guarda-chuvas que nos orientam para a construção dessa nossa comunidade que já é uma expressão do futuro que almejamos ver.

“Não é exagero dizer que a sobrevivência da humanidade vai depender da nossa capacidade, nas próximas décadas, de entender corretamente esses princípios da ecologia e da vida. A natureza demonstra que os sistemas sustentáveis são possíveis. O melhor da ciência moderna está nos ensinando a reconhecer os processos pelos quais esses sistemas se mantêm. Cabe a nós aprender a aplicar esses princípios e criar sistemas de educação pelos quais as gerações futuras poderão aprender os princípios e aprender a planejar sociedades que os respeitem e aperfeiçoem” (Capra, 2006: 57).

Quer conhecer mais sobre a Escola Toca do Futuro? Acesse nosso site e agende uma visita!